• Édi Willian Moreira dos Santos

Adolescente mata aula para realizar roubo em Ivaiporã


Um adolescente acabou sendo detido após realizar um roubo em um mercado na cidade de Ivaiporã.


Segundo informações, dois indivíduos estavam transitando por um estabelecimento, quando o proprietário notou pelas câmeras o momento da subtração de uma barra de chocolate Hershey's, quando o solicitante tentou conter os indivíduos os mesmos empregaram agressão física e o ameaçaram de morte, dizendo que iriam mandar alguém matá-lo. Então empreenderam em fuga tomando rumo não sabido, momento que o solicitante acionou a policia milita e seu patrão.


A equipe deslocou até o local e analisou as imagens das câmeras, sendo um dos autores um rapaz aparentemente menor, cor parda, de cabelo curto e preto, de óculos, e uniforme de colégio, de posse de uma bolsa vermelha, o outro cidadão também pardo, porém com o cabelo curto descolorido aparentemente na cor laranja, estilo moicano, sendo que estava trajando uma camiseta escura de gola branca.


A polícia estava realizando patrulhamento quando foi chamada através de um aceno de mão, por uma das testemunhas do roubo ocorrido e que estava com o uniforme do mercado e estava presente durante o ocorrido pouco tempo antes. Nesse ínterim, um dos autores que efetuaram o roubo no supermercado instantes antes, estava em frente a um comercio, a equipe realizou abordagem e constatou ser um menor, e questionado este confessou o ato infracional, relatou ainda, que estava durante o turno da manhã em aula e ao sair ficou pela cidade, quando estava no supermercado, encontrou um rapaz de cabelo pintado, que teria o chamado para realizar o referido roubo, que resultou em subtração de uma barra de chocolate e um red bull.


Ele relatou que não conhece o outro rapaz, não sabe dizer o nome ou qualquer outra informação, apenas alegou que, após realizar o roubo e que empregou violência para poder fugir.

Diante dos fatos, foi acionado o conselho tutelar, que compareceram no local e acompanhamento de todos os procedimentos, resguardando todos os direitos constitucionais e infraconstitucionais inerentes ao caso concreto, para ser encaminhado a autoridade policial competente, para outras medidas cabíveis ao caso concreto.

37 visualizações0 comentário