• Édi Willian Moreira dos Santos

Após assalto, homem morre em confronto com a polícia em Apucarana


Foto: Polícia Civil

No início da noite desta sexta-feira (07), após um assalto, um homem de 40 anos foi morto pela polícia em confronto.

Por volta das 18h50min foi acionada a polícia na Rua Quintino Bocaiuva na Vila Noba, em Apucarana, onde havia ocorrido um roubo, cujo indivíduo vestindo uma camiseta azul, com balaclava no rosto e de posse de dois revólveres cromados, deu voz de roubo as vítimas e do local subtraiu em primeiro momento um Fiat, Fiorino, na cor branca, com placas de Apucarana.


No local, a equipe da estação III, realizou contato a vitima, a qual confirmou o fato criminoso e acrescentou que no interior do Fiorino, estariam, 13 fardos de confecções que seriam de outra vítima, este, também presente no momento do ato, porém, em visível estado de choque.


Conhecidos das vítimas relataram terem notado que dois indivíduos em uma VW/ Parati G II, na cor branca, efetuou diversas rondas pelo endereço, e sempre buscava analisar o interior da casa. como é de praxe, foi acionada a central de monitoramento de tornozeleiras eletrônicas, através do aplicativo “whatsapp”, e recebido a informação de que neste endereço no momento do roubo um homem, permanecendo das 18h37 até as 18h53 e posteriormente se evadindo sentido zona rural da cidade e permanecendo com o sinal inerte por um tempo longo.


Em seguida com apoio da estação II, foi acompanhado o itinerário feito pelo indivíduo, e por volta das 21h, através de uma ligação anônima, a equipe da estação II, localizou a Fiorino em estado de abandono e com apoio do guincho do batalhão foi realizado o transporte da mesma até a 17 SDP de Apucarana.


Na ligação ainda, foi repassado a informação que um veículo de cor escura, com alguns indivíduos realizaram a passagem de diversos fardos pretos da Fiorino para aquele veículo.


Permanecendo em diligências, a central de monitoramento repassou que o monitorado estava em deslocamento pela estrada da Olaria. De posse destas novas informações, as equipes da estação III e Rotam Comando, deslocaram até a nova localização e deparou-se com dois veículos saindo da já citada estrada, diante da suspeição de que pudessem ser os autores, a equipe Rotam, desembarcou e com giroflex ligado deu voz de abordagem a ambos, onde, o veículo GM/Classic, na cor cinza escuro, arrancou contra a equipe Rotam, neste momento, os policias militares efetuaram disparos de arma de fogo para repelir a agressão.


Dois ocupantes do veículo Fiat/Uno na cor branca, desembarcaram e saíram correndo e efetuando disparos contra as equipes. Neste momento, o condutor da GM/Classic desobedeceu a voz de abordagem e tentou se evadir, porém foi alcançado, entretanto, desferiu ponta pés e socos contra os policiais, sendo necessário o uso de força moderada e técnicas de imobilização para contê-lo e conduzi-lo ao camburão.


Este detido em primeiro momento se identificou com um nome falso, mas a equipe da P2 do 10° BPM, compareceu e constatou seu nome verdadeiro tendo ainda contra si 02 mandados de prisão expedidos.


Em novo contato com a central de monitoramento, foi informado que, o monitorado permaneceu em meio a mata, desta forma, foi realizado buscas a pé e por volta das 22h30, este deparou-se com Policiais Militares, o qual recebeu voz de abordagem, entretanto foi notado que este empunhava um revólver cal. 22, cromado e efetuou disparos contra a equipe, sendo revidado a agressão, sendo atingido por dois disparos de Carabina IA2 calibre 5,56, assim, caindo ainda com vida. Sendo acionado a equipe Siate do Corpo de Bombeiros e posteriormente este constataram que o criminoso havia morrido.


Nos veículos apreendidos, haviam 10 fardos das confecções roubadas e após buscas em meio a mata, foram localizados mais 03 fardos roubados. No local do confronto, compareceram equipes da Policia Civil, IML, e o Perito Criminal para realizar os procedimentos cabíveis.

37 visualizações
  • Instagram
  • Facebook Social Icon
  • YouTube Social  Icon