• Édi Willian Moreira dos Santos

Após paralisações Bolsonaro aparece na frente em corrida presidencial



Pesquisa DataPoder360 revela que Jair Bolsonaro (PSL) segue na liderança isolada na corrida pela Presidência da República. Nos 3 cenários testados, o capitão do Exército na Reserva pontua de 21% a 25%, conforme a combinação de nomes apresentados. O militar nunca esteve tão bem. Pela primeira vez neste ano de 2018 o nome do ex-prefeito de São Paulo João Doria (PSDB) foi testado como candidato a presidente (no momento, ele postula o governo paulista). Doria decepcionou: teve apenas 6%. Isso o coloca em situação de empate técnico com o nome oficial da pré-candidatura tucana ao Planalto, Geraldo Alckmin, que pontua 6% ou 7%, a depender do cenário.

Esse desempenho de João Doria esfria a hipótese ainda desejada por parte do PSDB de trocar o candidato a presidente. Uma ala tucana achava que Doria poderia ser mais competitivo do que Alckmin, por evocar mudanças e renovação. Não é o que os números mostram.

O levantamento DataPoder360 é o maior já realizado pela divisão de pesquisas do portal Poder360. Desta vez, foram 10.500 entrevistas por meio de telefones fixos e celulares. Foram atingidas 349 cidades em todas as regiões do país, de 25 a 31 de maio.

A abrangência das 10.500 entrevistas permitiu uma radiografia precisa da corrida presidencial neste momento, com possibilidades de cruzamentos relevantes considerando faixa etária, gênero, renda e nível de escolaridade. A margem de erro para o total da amostra é de 1,8 ponto percentual, para mais ou para menos. O registro do estudo no TSE é BR-09186/2018.

O DataPoder360 testou 3 cenários. Em 2 deles foram incluídos apenas os pré-candidatos mais competitivos –os que já pontuam acima de 5% em todos os levantamentos. A 3ª combinação de nomes é mais longa e considera também os pré-candidatos que estão na lanterna dessa disputa.

Como muitos eleitores ainda estão desinteressados, o objetivo de apresentar cenários mais curtos é provocar o mínimo de dispersão no momento em que o entrevistado é consultado sobre as opções de nomes para presidente da República.

No caso do PT, o DataPoder360 optou por testar o nome do ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad. Não foi apresentado o nome do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, neste momento condenado em 2ª Instância e cumprindo pena da Lava Jato em Curitiba (PR).

Chama a atenção o número de pessoas que dizem escolher votar em branco, nulo ou que ainda não sabem em quem votar. O percentual somado dessas categorias de “não voto” vai de 36% a 40%. São percentuais consistentes com o resultado da eleição no Tocantins para governador no último domingo (3.jun.2018), que teve 43,5% de brancos, nulos e abstenções. Veja a pesquisa completa.

Fonte: DataPoder360

#Pesquisa #Presidente

2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo