• Romulo Moreira Dos Santos

Bayern vence PSG e conquista Liga dos Campeões


O Bayern de Munique conquistou o título da Liga dos Campeões neste domingo (23), no estádio da Luz, em Lisboa (Portugal), após derrotar o PSG por 1 a 0. As expectativas neste jogo se concentravam no brasileiro Neymar e no polonês Lewandowski, principais candidatos a heróis. Porém, quem definiu o confronto a favor do time da Alemanha foi um jogador formado na equipe francesa, o atacante Coman.


Com a conquista deste domingo, em um grande jogo de bola, o Bayern alcança seu sexto título na principal competição de clubes do Velho Continente, após os triunfos nas temporadas 1973-1974, 1974-1975, 1975-1976, 2000-2001 e 2012-2013.


Lei do ex

A etapa final começa com o Bayern valorizando a posse de bola, enquanto o PSG fica mais na defesa aguardando uma oportunidade de partir em velocidade para o ataque.

E foi justamente após um contra-ataque do PSG que nasce o gol do Bayern de Munique. Aproveitando o espaço dado pela equipe francesa, o time da Alemanha puxa jogada rápida, que termina em cruzamento de Kimmich para Coman, que cabeceia colocado para vencer Navas aos 14 minutos.


A ironia deste gol é que o atacante francês Kingsley Coman foi formado justamente pelo PSG, sua primeira equipe profissional. É a lei do ex entrando em ação.


Três minutos depois o Bayern quase chega ao segundo, em jogada muito parecida, que culminou em nova cabeçada de Coman, mas desta vez o brasileiro Thiago Silva consegue afastar a bola.


Com desvantagem no marcador o time francês tem que se arriscar no ataque. E as chances começam a aparecer, primeiro com o brasileiro Marquinhos aos 24 minutos, que chuta para defesa de Neuer, e depois com Neymar, aos 28, com chute de fora da área que vai por cima do gol da equipe alemã.


Mas, com a vantagem no placar, o Bayern é eficiente e consegue controlar as ações até o apito final, confirmando a conquista de sua sexta Liga.

Fonte: Agência Brasil

11 visualizações
  • Instagram
  • Facebook Social Icon
  • YouTube Social  Icon