• Édi Willian Moreira dos Santos

Ex vai a casa tirar satisfação e acaba no hospital em Faxinal



Na madrugada deste domingo (29), por volta das 02h30min, na Rua José Camargo, no Jardim Araci, uma briga em família deixou duas pessoas feridas.

Segundo informações, uma mulher de 38 anos, relatou que se separou de seu marido a alguns dias, porém este estava na sua residência, com o telefone de seu filho, a ameaçando, pois ela não se encontrava em casa no momento.

No local se encontrava os seus filhos, um homem de 19 anos e uma adolescente de 14 anos. Após algum instante a mulher retornou à ligação relatando que ela havia chegado em sua casa e encontrado o seu filho com um corte no braço e a casa com várias manchas de sangue.

A polícia foi até o local, onde o jovem de 19 anos passou a relatar o ocorrido, segundo o relato, ele estava com seus irmãos na casa, dormindo, quando o homem pulou por uma janela que se encontrava aberta e passou a ameaçar todos que estava dentro da casa, de morte. A vítima relatou ainda que após algumas discussões entre eles, o homem pegou um facão que estava no fogão e foi para cima de seu filho, acertando-o em seu braço esquerdo, o que lhe causou uma lesão, momento que entraram em vias de fatos. Ao ver a situação e que seu ex-padrasto iria matar seu irmão, a adolescente tentou retirar o facão da mão dele, porém não conseguiu.

O jovem no auge da briga conseguiu retirar o facão e desferiu no homem, um golpe de facão em seu pescoço, o que ocasionou as manchas de sangue na casa. Neste momento segundo a vítima, o ex-amásio sai correndo da residência, tomando rumo ignorado.

A polícia militar então recebeu uma ligação do Hospital Municipal, relatando que um indivíduo com um corte na altura do pescoço, havia acabado de dar entrada no local. Diante dos fatos, a polícia foi até o hospital, sendo informado que a pessoa estava passando por uma cirurgia, e que segundo as enfermeiras era grave, pois o mesmo havia perdido muito sangue.

Com isso as vítimas foram encaminhadas para a 53º DRP de Faxinal para demais providências, e no hospital juntamente com o autor ficou dois policiais até que o mesmo passe bem, para ser conduzido até a delegacia. A solicitante nos relatou ainda que já havia feito outros boletins contra o autor dos fatos.


7 visualizações
  • Instagram
  • Facebook Social Icon
  • YouTube Social  Icon