• Édi Willian Moreira dos Santos

Giro Policial


Faxinal

Em patrulhamento patrulhamento pelas proximidades do Colégio Érico Veríssimo, a equipe da polícia militar avistou uma motocicleta HONDA/CG125 TITAN, de cor azul, placa AHL-2120 de Faxinal-PR. Ao receber voz de abordagem, através de gestos, sinais luminosos e sonoros, seu condutor desobedeceu a ordem de parada e tentou empreender fuga, porém foi contido pela polícia. Identificado, verificou que o condutor e o passageiro tinham apenas 16 anos. Ao consultar o documento da moto, constatou-se que a placa citada seria de uma motoneta YAMAHA/YA90, de cor vermelha do município de Faxinal-PR, que o chassi da referida motocicleta estaria suprimido e que o motor de numero JC25E5580844 não consta cadastrado no sistema. Diante dos fatos ambos foram encaminhados até a delegacia de polícia para as devidas providências

Jardim Alegre

A equipe em patrulhamento pela rua Rui Barbosa, visualizou um individuo de bermuda e uma blusa de moletom, realizando uma abordagem e na busca pessoal nada de ilícito foi localizado, com ele apenas um celular e uma cédula de R$ 10,00, foi então liberado no local. Suspeitando que o mesmo estivesse indo para algum, ponto de tráfico comprar droga a equipe fez um acompanhamento a pé do mesmo e visualizou Bruno Matheus Aranha adentrando em uma residência localizada na rua Brigadeiro, que fica ao lado da casa n°287, fundos, local este que é apontado em várias denuncias como sendo local de venda de drogas. A equipe então esperou até que saísse e realizou a abordagem, constatando que ele já não se encontrava mais em posse do celular e do moletom, sendo encontrado apenas o chip do celular dentro de uma carteira de cigarros, foi localizado ainda dentro de sua cueca uma bucha de substância entorpecente análoga a cocaína pesando aproximadamente 1 grama. Questionado sobre a droga o mesmo disse que havia trocado pelo moletom e celular. O jovem foi encaminhado para o Departamento de Polícia Militar para as providências cabiveís.

Ainda em Jardim Alegre, a equipe da Polícia Militar foi solicitada pelo Conselho Tutelar do Município, o qual relatou que haviam recebido denúncias de que um homem havia agredido por seus filhos com uma corrente e que tentou contato na residência, porém sem sucesso. A equipe então foi até o local e entrou em contato com o morador da residência, onde o senhor encontrava-se visivelmente embriagado, ele mesmo confirmou que havia aplicado castigo físico em seus filhos para a fim de corrigi-los. Em contato com a Senhora, que é esposa do suposto agredido, a mesma afirmou que seu esposo lhe agrediu com tapas no rosto e também agrediu seu filho de 12 anos de idade, com um cinto, causando escoriações nas costas do menino. Diante dos fatos a equipe encaminhou o senhor para 54° delegacia de Ivaiporã. As Conselheiras Tutelares acompanharam a ocorrência até seu desfecho na delegacia.


0 visualização
  • Instagram
  • Facebook Social Icon
  • YouTube Social  Icon