• Édi Willian Moreira dos Santos

Homem é ferido a tiros após enfrentar polícia em Faxinal


Um homem de nome Natalino foi ferido a tiros pela polícia militar, após o homem enfrentar a polícia no Jardim Santa Helena em Faxinal.


Era por volta das 11 horas da manhã, quando a polícia realizou a abordagem a um veiculo Fiat Strada de cor preta, onde o motorista não possuía CNH, PPD ou ACC e ainda que o referido veiculo possui débitos de IPVA junto ao DETRAN/PR. Então estava sendo confeccionado os autos de infração sendo acionado o guincho para encaminhar o veiculo ao pátio do DPM de Faxinal, sendo o condutor orientado quanto aos procedimentos e liberado em seguida.


Enquanto equipe aguardava o guincho chegar, compareceu ao local um senhor, de nome Natalino, o qual afirmou para a equipe ser proprietário do veiculo, sendo que esse se dirigiu se a um policial indagando “quem você pensa que é?, o que você acha que está fazendo? Não tem nada melhor para fazer não?”. Momento em que o policial solicitou que o mesmo se acalmasse pois estaria se exaltando sem necessidade alguma.


Informa ainda a equipe que nesse momento o mesmo tentou entrar dentro do veiculo e dizendo “vocês não vão prender meu carro, seus b*, vão se f*, vão procurar o que fazer”. Ante o crime de desacato praticado pelo proprietário do veiculo foi dado voz de prisão ao mesmo, o qual de imediato tentou fugir sendo alcançado pelo PM, e dado voz de abordagem ao mesmo, onde se colocou em posição de abordagem e disse “tá bom, tá bom, eu me rendo pode me prender”, ato que policial coldreou sua arma e quando foi colocar a algema, o referido abordado em um ato de resistência ativa, se desvencilhou das mãos do PM e conseguiu pegar o pescoço do mesmo (golpe de mata leão), sendo então necessária força física para se desvencilhar do autor, nesse momento o autor dos fatos tentou ter acesso a arma (pistola) do PM.


Então o policial conseguiu sacar sua arma (pistola) e efetuou um disparo o qual acertou a mão esquerda do autor, fato que não conteve a agressão por parte mesmo o qual continuou sua ação contra o PM, que com sua arma (pistola) e o fuzil, teve de entrar em luta corporal com o autor, sendo que durante o embate o qual a arma estava em disputa foi disparada novamente duas vezes vindo a acertar a região da coxa e pé esquerdo do autor, cessando ai a agressão por parte do mesmo, sendo que esse por sua vez ainda demonstrando elevada agressividade ainda ameaçava a equipe dizendo “isso não vai ficar assim, na rua a gente se acerta”.


Diante dos fatos foi acionado COPOM 6ª CIPM, informando o fato e solicitando imediatamente ambulância do SAMU e ambulância do Hospital Municipal, sendo também tentado ligação do celular para apoio médico, porém equipe foi informada que ambas as ambulâncias se encontravam em ocorrência e que iriam demorar para prestar socorro. Ante o fato ora narrado e ainda a necessidade imediata de atendimento médico pois o mesmo se encontrava com grande perda de sangue e chegou a ficar inconsciente, equipe encaminhou o detido até o Hospital Municipal de Faxinal para atendimento médico, onde o policial também recebeu atendimento médico ante as lesões sofridas no pescoço.


Feito contato com o médico o qual informou que o detido seria transferido para o Hospital da Providencia de Apucarana. Diante dos fatos a PM realizou a escolta do detido, e realizada a guarda do mesmo. Foi encaminhado o veiculo ao pátio do DPM de Faxinal, confeccionado o boletim de ocorrências e encaminhado o BOU até a 53ª DRP de Faxinal para as providencias de policia judiciaria cabíveis ao caso. Estamos a disposição para que Natalino deixe sua versão dos fatos.

0 visualização
  • Instagram
  • Facebook Social Icon
  • YouTube Social  Icon