• Édi Willian Moreira dos Santos

Lucro líquido da Copel está entre os 25 maiores lucros de empresas brasileiras de 2015



O lucro líquido da Copel em 2015, de R$ 1,26 bilhão, foi um dos 25 melhores resultados entre as empresas brasileiras no ano passado. O levantamento foi divulgado nesta sexta-feira (8) pela consultoria Economática, e abrange companhias com ações listadas em bolsa. O valor de mercado da Copel alcança R$ 6,6 bilhões atualmente. “Este resultado sem dúvida premia a gestão prudente de nossos ativos, em um momento de incerteza econômica e política e de acentuadas dificuldades no setor elétrico”, afirmou o presidente da Copel, Luiz Fernando Leone Vianna. “Mesmo em meio a este cenário desfavorável, a Copel tem conseguido se sobressair, sem comprometer a diretriz de expansão de investimentos determinada por nosso sócio majoritário, o Governo do Estado”. INVESTIMENTOS - Em 2015, a Copel investiu R$ 2,36 bilhões em todas as suas áreas de atuação, com destaque para o segmento de distribuição, que registrou o maior volume de obras em distribuição já executado pela Companhia em um único ano. Em 2016, a Companhia projeta investir R$ 3,2 bilhões, o maior valor de sua história. Destaca-se no atual plano de obras da Copel uma série de empreendimentos que em breve se converterão em novas fontes de receita para a empresa, como 737 MW de capacidade de geração em construção – incluindo um complexo eólico no Rio Grande do Norte e duas hidrelétricas – e 2,3 mil km de linhas de transmissão com inauguração prevista para os próximos cinco anos. Em 2021, quando todas as linhas estiverem operando, representarão uma receita anual total de R$ 458,5 milhões. Também a renovação da concessão da Usina Governador Parigot de Souza (GPS), no final de 2015, significará um adicional de receita por prestação de serviço da ordem de R$ 130 milhões anuais, até 2046.

Fonte: AEN


0 visualização
  • Instagram
  • Facebook Social Icon
  • YouTube Social  Icon