• Édi Willian Moreira dos Santos

Mulher é detida por desacato ao se recusar a receber documento em Cruzmaltina


Uma mulher foi detida por desacato na cidade de Cruzmaltina, após se recusar a receber inquérito policial.


A equipe da polícia militar por determinação do comando de Faxinal foi até o município de Cruzmaltina a fim de entregar notificação referente a um inquérito policial. Chegando no referido município foi localizada a primeira pessoa a ser intimada a qual foi informada sobre a referida notificação sendo que a mesma e seu filho se negaram assinar a referida notificação.


Após deixar o local equipe encontrou o comandante do Departamento de Polícia Militar em frente ao Colégio Padre Gualter Farias Negrão o qual se encontrava devidamente fardado, momento em que a detida chegou e sem motivo algum começou a gritar desacatando a equipe com xingamentos.


Diante dos fatos foi dada voz de prisão pelo crime de desacato a qual estava extremamente alterada sendo necessária a utilização de algemas, a detida na presença de um dos policiais começou a ameaça-lo dizendo “para ele colocar as barbinhas de molho, pois ela iria processar o mesmo e que ele iria se ferrar”. O qual acabou por representar criminalmente contra a mesma pelo crime de ameaça.

186 visualizações
  • Instagram
  • Facebook Social Icon
  • YouTube Social  Icon