• Édi Willian Moreira dos Santos

Polícia descobre antigo bar usado para comercializar drogas em Ivaiporã


Uma denúncia anônima levou a polícia militar de Ivaiporã a descobrir um local que servia para a comercialização de drogas, no distrito de Jacutinga.


A polícia foi acionada para deslocar até o distrito do Jacutinga onde teria quatro pessoas no antigo bar do pascoal, onde segundo denuncias teria quatro pessoas em atitude suspeita sendo que uma das pessoas estaria em posse de uma arma de fogo. De posse das característica dos indivíduos a equipe foi até o referido bar e foi informado que teriam acabado de sair do bar três masculino e uma feminina, saíram sentido ao cemitério, deslocamos sentido ao endereço repassado e avistamos os meliantes que ao perceber a viatura se aproximar tentaram desbaratinar a equipe entrando em um bar, sendo que um terceiro passou reto sendo abordado pela equipe que em revista pessoal foi localizado em sua cintura uma faca, sendo o mesmo identificado, que já consta com uma vasta passagem pela policia, sendo assim a equipe o advertiu e conduziu ate o bar onde estaria os outros indivíduos e efetuou a abordagem, porem não foi localizado a arma de fogo.


Indagada a mulher que estava junto com os rapazes sobre a arma , não quis falar porem relatou que a referida pessoa já teria ido na casa e retornado a hora que foi abordado pela equipe, que com a permissão do mesmo a equipe foi até a residência que fica próximo ao bar e fez buscas no local, não sendo possível localizar a referida arma porem foi encontrado forte indicio que naquela residência era usada para comercialização de entorpecente, sendo que a equipe localizou uma tabua de cortar carne em cima da mesa que estava com reptício de substancia análoga a maconha. Também foi encontrado na gaveta do armário da cozinha uma carteira de cigarro que tinha em seu interior, maconha já deschavada e mais sete buchas da mesma substancia.


Enquanto a equipe estava fazendo a busca na residência um senhor comunicou a equipe que acabou de chegar em casa e que sua residência encontrava-se arrombada e deu por falta de um bujão de gás de cor azul, sendo que na hora da busca na casa a equipe já teria encontrado um bujão de gás enrolado em um cobertor dentro do guarda roupa todo sujo de barro, sendo reconhecido pela vitima como sendo seu gás.


Diante das circunstancia foi lido os direitos constitucionais e dado voz de prisão ao autor dos fatos e encaminhado até a 54° delegacia de policia civil para providencias cabíveis, juntamente com a droga e o bujão de gás apreendido. Os outros abordados foram identificados e liberados.

33 visualizações
  • Instagram
  • Facebook Social Icon
  • YouTube Social  Icon