• Édi Willian Moreira dos Santos

Residência de médico é assaltada no centro de Faxinal


Um assalto a mão armada ocorreu no final da manhã desta de segunda-feira (25), por volta das 11h10min, na Rua Yani de Oliveira Munhoz. O assalto ocorreu na residência do médico faxinalense Dr. Francisco.

Segundo informações, assaltantes adentraram na residência onde estava, o médico, sua mulher, uma filha do médico e o neto de apenas 4 anos. Três assaltantes entraram na casa, prenderam os moradores no banheiro da residência, reviraram a casa levando jóias, eletrônicos, celulares e outros pertences da família. Os assaltantes fugiram em um Toyota Corolla GLI de cor prata ano 2014/2015, placas AYT-8939, de Londrina. Na saída ainda bateram em um outro carro, um Chevrolet Cruze, pertencente a uma vizinha da casa que foi assaltada, que estava estacionado próximo a residência. Ao sair da casa, os bandidos deram de cara com a polícia militar que passava pelo local, onde funciona uma escola, a polícia então foi atrás dos bandidos que acabou atirando contra os policiais e foi revidado pelos policiais, porém nenhum policial ficou ferido.

Dois dos elementos saíram correndo sentido ao bairro Santa Helena a pé e o veículo saiu sentido ao mesmo bairro, o veículo Corolla seguiu sentido a rodovia PR 272, sentido a cidade de Mauá da Serra, outro meliantes estava escondido em um matagal, entre a Rua 14 de Dezembro e a Avenida Eugênio Bastiani, onde a polícia juntamente com reforço, localizaram um dos autores do roubo, um homem, Nélson de Jesus de 50 anos com o qual foi localizado algumas jóias, dois relógios de pulso e a quantia de R$ 2.394,00 (dois mil trezentos e noventa e quatro reais). Ao ser abordado o meliante admitiu ter participado do roubo, juntamente com dois indivíduos moradores na cidade de Londrina/PR, o homem confessou que após o confronto o mesmo abandonou duas armas de fogo na Rua 14 de Dezembro, sendo um revólver calibre 38 e uma pistola 9 milímetros, porém o armamento não foi localizado pela polícia.

Mais tarde, no distrito de Irerê, a polícia havia montado um cerco, mas pouco antes de chegar ao cerco, os ladrões abandonaram o carro e fugiram tomando rumo ignorado.

A agilidade e competência da polícia fez com que um dos assaltantes fosse preso momentos depois do assalto, mesmo assim outros dois assaltantes conseguiram fugir levando o carro. Fotos: Carllinhos Manco


10 visualizações
  • Instagram
  • Facebook Social Icon
  • YouTube Social  Icon