• Édi Willian Moreira dos Santos

Som alto e ameaça ocorrem em Ribeirão Bonito


A polícia militar foi até a Avenida Tiradentes em Ribeirão Bonito a fim de averiguar uma situação de som alto, onde varias pessoas ligaram anonimamente denunciando o barulho na noite desta terça-feira (09).


No local foi constatado o som, que estava na frente da referida residência, que de pronto os populares desligaram o som, sendo todos orientados. O som estava na frente da residência um jovem de 19 anos, porem o som era de uma senhora de 26 anos, e seu convivente de 31 anos que moram na residência ao lado. Todos foram devidamente orientados e constatado que a senhora estava embriagada.


Diante do comprometimento de não ligarem mais o som, a equipe informou que seria apenas feito um boletim de ocorrência e deslocou até o destacamento de policia militar, porem antes de chegar ao trevo de saída da cidade, a equipe recebeu uma nova ligação, informando que uma vizinha da ocorrência da perturbação, a senhora, 24 anos, relatou que havia sido ameaçada pelo jovem. Em ato continuo a equipe retornou ao local e foi feito contato com a vizinha, onde foi constatado danos no telhado de Eternit provocando dois buracos em duas telhas, porem, a vitima não viu quem que jogou os tijolos que provocaram os danos.


A vítima relatou a equipe que logo que a viatura saiu do local, ouviu barulhos de pedras no telhado e que o jovem proferiu vários xingamentos em direção a sua pessoa, como “gorda, baleia, buchuda, cadela” e a ameaçou de morte dizendo que iria degolar o seu pescoço com um facão, que então a vítima solicitou a presença da PM.


Foi perguntado a vítima se ela queria representar contra o jovem, porem como a vítima não tinha um meio de transporte para voltar para sua residência, a não ser que seu convivente, 23 anos fosse busca-la, no entanto ambos ficaram com medo de deixar os pais da vítima sozinhos, afim de salvo guardar a integridade de seus pais idosos, contra alguma nova ameaça proferida por seus vizinhos.


Diante dos fatos a vítima se comprometeu a procurar a Delegacia de Policia Civil de Grandes Rios no próximo dia útil para então representar e para que sejam tomadas as providencias cabíveis. Todos foram devidamente orientados e o BOU confeccionado.

0 visualização
  • Instagram
  • Facebook Social Icon
  • YouTube Social  Icon